Sagu de Vinho

Sagu de Vinho é uma receita brasileira preparada com vinho tinto, água, açúcar, sagu, canela, anis estrelado (opcional) e cravos. Tradicionalmente, esta sobremesa é servida com um creme de baunilha ou creme inglês/crème anglaise.

A receita, tradicional na região sul do Brasil, provavelmente nasceu de uma variação da receita alemã Rote Grütze, que é preparada com suco/sumo de frutos vermelhos, açúcar e sagu ou amido de milho. Esta sobremesa é servida com um creme inglês/crème anglaise.

Rote Grütze é uma sobremesa alemã preparada com suco/sumo de frutas vermelhas, açúcar, sagu ou amido de milho. Esta sobremesa é servida com um creme inglês/crème anglaise.

Ingredientes para o Sagu de Vinho

Sagu

O sagu são pequenas esferas de amido de mandioca pré-gelatinizado. O amido pré-gelatinizado é o amido que passou por um processo de cozimento até a gelatinização completa e secagem, por isso possui capacidade de absorção, solubilidade e dispersão em água fria aumentados.

Em Portugal, é possível encontrar o sagu em grandes redes de supermercado e em lojas que comercializam produtos brasileiros ou asiáticos, pois há diversas sobremesas e bebidas asiáticas preparadas com sagu.

sagu
Sagu (em inglês: tapioca pearl) da marca brasileira Yoki e da marca americana Bob´s Red Mill

Vinho Tinto

O sagu de vinho é preparado com vinho tinto seco frutado, jovem, com baixo tanino e principalmente barato, pois serão adicionadas especiarias potentes. Geralmente, os rótulos indicam se o vinho é frutado e jovem (pouco envelhecimento).

Também é possível selecionar pelas variedades de uvas mais leves, tais como Barbera, Carbernet Franc, Dolcetto, Gamay (Beaujolais), Grenache/Garnacha, Pinot Noir, Dolcetto, Zinfandel, etc.

vinhos marca branca
Vinhos de marca própria/branca frutados: Club des Sommeliers Carbernet Franc (Pão de Açúcar Brasil), Contemporal Penísula de Setubal (Continente Portugal), Torre de Ferro (Lidl – Portugal), Castelão e Pamela (Pingo Doce – Portugal).

No Brasil, há 3 classificações para os vinhos, que variam pelo teor de açúcar: vinho seco, demi-sec/meio-seco e vinho suave ou doce. Caso utilize um vinho suave, que contém acima de 25 gramas de açúcar por litro, será necessário reduzir a quantidade de açúcar da receita.

Receita de Sagu de Vinho

Nossa receita de sagu de vinho é leve, refrescante, com sabor moderado de vinho e textura maleável, mesmo após a refrigeração, pois a proporção de sagu para líquido está equilibradaa. Utilizamos 1/2 xícara de sagu para 4 xícaras de líquido, sendo 2 xícaras de vinho tinto + 2 xícaras de água filtrada.

receita de sagu de vinho

Sagu | Sagu de Vinho

Receita preparada com vinho tinto, água, açúcar, sagu, canela, anis estrelado (opcional) e cravos.
Preparo 5 mins
Tempo de Cozimento 40 mins
Tempo Total 45 mins
RefeiçãoSobremesas
CozinhaBrasileira
Serve 4 pessoas

Equipamento

  • Balança de cozinha
  • Batedor de arame/fouet ou similar
  • Espátula de silicone ou similar
  • Panela média
  • Peneira
  • Plástico filme/película aderente
  • Termômetro
  • Tigela média
  • Tigela ou recipiente de vidro grande com capacidade de 1,5 litro

Ingredientes
  

Sagu | Sagu de Vinho

  • 480 gramas de vinho tinto seco (480 ml | 2 xícaras)
  • 480 gramas de água filtrada (480 ml | 2 xícaras)
  • 135 gramas de açúcar (3/4 xícara)
  • 80 gramas de sagu (1/2 xícara)
  • 3 gramas de canela em pau (1 unidade com cerca de 5 cm)
  • 1 grama de anis estrelado (opcional) (1 unidade pequena)
  • 0,2 grama de cravos (2 unidades)

Creme de Baunilha (opcional)

  • 480 gramas de leite integral (480 ml | 2 xícaras)
  • 30 gramas de manteiga sem sal (opcional)  (2 colheres de sopa)
  • 45 gramas de açúcar branco  (1/4 xícara)
  • 2 gemas
  • 24 gramas de amido de milho/maizena (3 colheres de sopa)
  • 2,5 gramas de extrato ou aroma de baunilha (1/2 colher de chá)

Instruções de Preparo
 

Sagu | Sagu de Vinho

  • Prepare os ingredientes (mise en place): separe todos os ingredientes e meça-os, deixando-os devidamente prontos para o início da receita. Esta etapa é importante para o sucesso da sua receita, pois evita surpresas no meio do processo.
    sagu de vinho
  • Prepare a infusão: coloque o vinho tinto, a água filtrada, o açúcar, a canela em pau, o anis estrelado (opcional) e os cravos em uma panela média, e mexa até que o açúcar tenha se dissolvido. Em seguida, aqueça a mistura em fogo médio até atingir o ponto de fervura suave (bolhas pequenas/simmering). Reduza o fogo e mantenha a fervura suave por 10 minutos. Prove e ajuste o açúcar se necessário. Caso ajuste o açúcar, mantenha em fervura por 1 a 2 minutos.
    Caso utilize um vinho suave brasileiro, a quantidade de açúcar deve ser reduzida.
    sagu de vinho
  • Adicione o sagu: após o fervura suave da infusão, retire as especiarias, adicione o sagu e cozinhe em fogo baixo, mexendo eventualmente para que o sagu não grude no fundo da panela, por 40 minutos. Desligue o fogo.
    Neste ponto, a parte líquida estará levemente viscosa e as bolinhas de sagu terão o interior branco e a borda transparente. As bolinhas de sagu absorvem todo o líquido durante a refrigeração.
    sagu de vinho
  • Refrigere: após desligar o fogo, coloque o sagu em um recipiente hermético e leve para refrigerar por no mínimo 6 horas. O ideal é refrigerá-lo por 12 horas.
    sagu de vinho
  • Sirva: após a refrigeração, sirva em recipientes individuais acompanhado de creme de baunilha ou creme inglês/crème anglaise.

Creme de Baunilha (opcional)

  • Prepare os ingredientes (mise en place): separe todos os ingredientes e meça-os, deixando-os devidamente prontos para o início da receita. Esta etapa é importante para o sucesso da sua receita, pois evita surpresas no meio do processo.
    creme de baunilha
  • Misture as gemas, o açúcar e o amido de milho: em uma tigela média, adicione as gemas, o açúcar e o amido de milho/maizena, e bata, com o auxílio de um batedor de arame/fouet, até que se forme uma mistura homogênea. Reserve.
  • Aqueça o leite integral, a manteiga e a baunilha: em uma panela média, adicione o leite integral, a manteiga e o extrato ou aroma de baunilha. Aqueça até 80°C, antes da formação de pequenas bolhas. Desligue o fogo.
    A mistura de leite integral, manteiga e baunilha não pode ferver, pois as gemas coagularão em contato com um líquido acima de 80°C.
  • Tempere as gemas: após desligar o fogo, retire 1 xícara da mistura de leite aquecido até 80°C, e coloque sobre a mistura de gemas, açúcar e amido de milho. Mexa constantemente com o batedor de arame/fouet, até que se forme uma mistura homogênea.
    creme de baunilha
  • Adicine a mistura de gemas temperadas: após temperar a mistura de gemas, coloque uma peneira sobre a panela com a mistura de leite, e adicione a mistura com as gemas temperadas.
    creme de baunilha
  • Cozinhe o creme: após adicionar a mistura de gemas temperadas, em fogo baixo, cozinhe o creme, mexendo constantemente, até que engrosse e cubra as costas de uma colher ou espátula (ponto nappé). Desligue o fogo.
    creme de baunilha
  • Refrigere: após desligar do fogo, coloque o creme em uma tigela e cubra imediatamente com um plástico filme/película aderente, o plástico deve ter contato com o creme para evitar a formação de uma película espessa. Em seguida, refrigere por no mínimo 2 horas.
    Após refrigeração, sirva com o sagu de vinho.
    creme de baunilha

Video

Preparou esta receita? Gostaríamos de vê-la! Publique a sua foto no Instagram e marque @cozinha_tecnica

Quer Aprender Outras Sobremesas Brasileiras?